Protegendo o futuro: estratégias de Segurança Cibernética para uma força de trabalho híbrida

Protegendo o futuro: estratégias de Segurança Cibernética para uma força de trabalho híbrida seguranca-da-informacao blog  Cibersegurança

É difícil prever o futuro, mas se existe uma forte tendência no mercado empresarial é a do uso da força de trabalho híbrida. E como toda moeda tem dois lados, essa evolução tem sido um desafio do ponto de vista da segurança cibernética.

Implementar o trabalho híbrido sem estar preparado é um risco. Afinal, a falta de maturidade em Segurança da Informação pode abrir brechas valiosas para os criminosos virtuais.

Muitos gestores chegam até nós com esse obstáculo para superar e sem saber por onde começar. Alias, estar nessa mesma situação é totalmente compreensível — e até esperado.

Como especialistas em cibersegurança, entendemos o quanto agir com estratégia e eficiência é decisivo para o futuro do seu negócio. Por isso, preparamos algumas dicas que valem a pena serem seguidas. Confira!

O futuro do trabalho é híbrido!

Com o fim da pandemia e a reabertura dos escritórios, as empresas começaram a voltar à rotina. Mas, o trabalho 100% remoto — que reinava absoluto no passado — perdeu espaço para o híbrido.

Segundo estudo feito pela IDC a pedido do Google, 56% dos brasileiros atuam em formato híbrido — em 2021, esse percentual era de 44%. Além disso, apenas 25% dos profissionais exercem suas funções de forma totalmente presencial e 19% estão em um formato exclusivamente remoto.

Os dados nos levam a entender que o futuro do trabalho caminha para uma era mais flexível e que valoriza o equilíbrio entre vida pessoal e profissional.

Aliás, o próprio estudo deixa claro que essa é uma decisão consciente e acordada entre as empresas e seus funcionários. Para 82% da força de trabalho híbrida, o modelo é permanente.

Deixando de lado a discussão se esse é ou não o melhor modelo de trabalho, é preciso estar pronto para essa realidade. Quem se prepara garante bons resultados, incluindo produtividade, motivação, redução de custos e, claro, segurança cibernética.

Verdades que precisam ser ditas: o trabalho híbrido pode ser um risco à segurança cibernética

A Tripla, como especialista em Segurança da Informação, lida com projetos complexos de organizações de todos os portes e segmentos. São anos de experiência, atuando lado a lado de gestores de TI e líderes para garantir a resiliência cibernética do negócio.

Nessa jornada, chama a atenção como a implementação do trabalho híbrido de forma desordenada facilita a ação de criminosos virtuais. Isso mesmo! Nos últimos anos, poucas coisas ficaram tão claras como a necessidade de proteger o negócio para o futuro do trabalho.

Uma pesquisa da AppDynamics mostrou que para 90% dos profissionais de TI brasileiros, a transição para ambientes híbridos resultou em um aumento de ataques e em maior vulnerabilidade a ameaças de cibersegurança.

Aliás, a lista de erros que expõe os dados e a empresa à ação dos hackers é grande, incluindo ações e omissões que podem ser a porta de entrada para vários tipos de ataques cibernéticos, como:

  • Falta de atualização dos softwares;
  • Uso de máquinas pessoais para acesso à rede;
  • Troca de senhas e uso de credenciais fortes;
  • Falta de cuidado com links e sites suspeitos.

Como garantir segurança cibernética com uma força de trabalho híbrida?

O desafio existe, mas não é impossível de ser superado. Na verdade, tudo depende de estratégia, planejamento e bons parceiros.

Embora a jornada seja longa e repleta de ações a serem implementadas, você precisa começar a mitigar os principais riscos do trabalho híbrido. Assim, indicamos que comece pelos seguintes passos:

Invista em treinamentos e conscientização sobre cibersegurança

Se seus funcionários não compreendem o quanto seus erros podem expor o negócio às ameaças virtuais, eles dificilmente vão pedir ajuda ou mudar um comportamento. Por isso, é indispensável promover campanhas de conscientização e treinamentos sobre segurança cibernética.

Essas ações podem ser executadas de diferentes formas. Aliás, vale a pena testar o nível de maturidade do seu time e pensar em capacitações focadas nas principais necessidades.

Tenha parceiros especialistas em segurança cibernética

Ainda que você tenha uma equipe de TI interna muito eficiente, é importante contar com o apoio de especialistas em segurança cibernética. Essa é a forma mais eficaz de garantir a implementação das melhores ferramentas e práticas de proteção de dados.

Aqui, na Tripla, atuamos de forma consultiva e totalmente personalizada. Mapeamos riscos, fazemos a análise das vulnerabilidades, monitoramos o ambiente, ajudamos na escolha do sistema ideal, além de cuidar da gestão de segurança da empresa.

Todos os serviços são conduzidos por profissionais experientes e atualizados. Assim, trabalhamos lado a lado para garantir o crescimento saudável e seguro dos nossos clientes.

Escolha ferramentas confiáveis e com alto nível de segurança

Por fim, é indispensável pensar na escolha das suas ferramentas de Segurança da Informação. Isso porque, é a união perfeita entre o fator humano e a tecnologia que garantirão o melhor aproveitamento do trabalho híbrido.

Nesse ponto, não há espaço para erros. Em geral, essas soluções exigem investimentos e optar por uma tecnologia inadequada não apenas representa prejuízo financeiro, como eleva os riscos.

A saída é avaliar de forma minuciosa todas as demandas de segurança da empresa e tomar a decisão com base em critérios práticos, técnicos e, claro, financeiros.

Do básico ao avançado: conte com a Tripla!

Na Era Digital, o sucesso depende de decisões inteligentes, parceiros estratégicos, bons funcionários e o uso adequado da tecnologia. Como vimos, o trabalho híbrido é uma realidade do mercado atual, mas seu real valor depende de como o negócio decide implementá-lo.

Se a sua empresa optou por aproveitar seus benefícios, deve estar pronto para enfrentar os desafios. Nesse sentido, os riscos de segurança cibernética talvez sejam os obstáculos mais preocupantes.

A Tripla sabe como lidar com esse cenário e pode te ajudar: da demanda mais simples, como a escolha e implementação de um sistema a algo mais complexo, como o monitoramento 24×7 do seu ambiente.

Previna-se. Fale agora com um especialista!